WIT - VIII Women in Information Technology

  • Coodenadora Geral: Roberta Coelho (UFRN)
  • Coodenadora Local: Maristela Tero de Holanda (UnB)

O VIII Women in Information Technology (WIT) é uma iniciativa da SBC para discutir os assuntos relacionados a questões de gênero e a Tecnologia de Informação (TI) no Brasil – histórias de sucesso, políticas de incentivo e formas de engajamento e atração de jovens, especialmente mulheres, para as carreiras associadas à TI. Organizado na forma de palestras convidadas e painéis, o workshop estará centrado em debater problemas relacionados à mulher e ao seu acesso à TI, tanto do ponto de vista de mercado de trabalho quanto de inclusão e alfabetização digital. Os temas abordados se concentrarão na necessidade de educar, recrutar e treinar mulheres, como uma política estratégica para o desenvolvimento e competitividade nacional e regional.

O objetivo principal do WIT é criar um fórum que promova estratégias para aumentar a participação de mulheres em TI no Brasil. Os temas abordados incluirão:

  • Aspectos críticos que impactam o acesso pleno das mulheres, treinamento, participação e liderança na área;
  • Estratégias para aumentar a visibilidade, no Brasil, dos problemas relativos a gênero e TI, com a conscientização de todos os segmentos da nossa sociedade;
  • Políticas empresariais nacionais e internacionais para fazer face a tais desafios e apresentação de histórias de sucesso.

 

PROGRAMAÇÃO

09:00 – Abertura do Evento (vídeo e apresentação da equipe local)

09:30 – Palestra:Onde você quer estar daqui a 10 anos? Os desafios de planejar uma carreira numa profissão predominantemente masculina - Lile Palma Hatori (Microsoft)

10:30 - 11:00 - Tempo para perguntas

11:00 - Intervalo

11:15 – Palestra: Como podemos influenciar a carreira de outras mulheres em Ciência da Computação - Ana Regina Rocha (UFRJ)

12:15 às 13:00 – Tempo para Perguntas para todas as palestrantes da manhã.

17:00 – FORUM MENINAS DIGITAIS

 

FÓRUM MENINAS DIGITAIS 2014 – evento satélite do WIT

  • Coordenador Geral: Cristiano Maciel (UFMT)

O Fórum Meninas Digitais faz parte das atividades de um programa direcionado às alunas do ensino médio/tecnológico, para que conheçam melhor a área de informática e das Tecnologias da Informação e Comunicação, de forma a motivá-las a seguir carreira nessas áreas. Também, o evento tem colaboração de multiplicadores desta proposta, que aproveitam a oportunidade discutir projetos e parcerias, de forma a disseminar esta ideia no território nacional.

 

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

 

Palestrante: Ana Regina Cavalcante Rocha (UFRJ)

ana_regina       

Título: Como podemos influenciar a carreira de outras mulheres em Ciência da Computação

Resumo: Embora as mulheres representem 40% da força de trabalho no Brasil, em geral são encontradas em postos de baixa remuneração. Mulheres bem sucedidas em ciência e tecnologia são raras, embora existam exemplos no Brasil e no mundo. É possível mudar este quadro? O que pode ser feito para influenciar e apoiar a carreira de outras mulheres em Ciência da Computação?

Short-bio: Possui graduação em Matemática pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1971), mestrado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1978) e doutorado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1983). Atualmente é professora associada da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Engenharia de Software, atuando principalmente nos seguintes temas: ambiente de desenvolvimento de software, processo de software, gerencia do conhecimento, qualidade de software. Foi Coordenadora da Equipe Tecnica do Modelo MPS (Melhoria de Processo do Software Brasileiro), responsável por sua definição e evolução, desde seu inicio até fevereiro 2012. Atualmente é membro da Equipe Técnica do Modelo.

 

Palestrante: Lile Palma Hatori (Microsoft)

 

                                       lile                  

Título: Onde você quer estar daqui a 10 anos? Os desafios de planejar uma carreira numa profissão predominantemente masculina

Resumo: Existe uma carência de mulheres na área de tecnologia da informação em todo o mundo. Muito se discute sobre as dificuldades de construir uma carreira numa profissão predominantemente masculina, mas poucos se atentam às oportunidades. Nessa sessão, dividirei minha visão sobre como construir uma carreira de sucesso lidando com os desafios e abraçando as oportunidades e, ao mesmo tempo, contarei um pouco da minha trajetória profissional.

Bio: Lile Palma Hattori é engenheira de software na Microsoft desde janeiro de 2013, sendo uma das responsáveis pela primeira página de resultados do buscador Bing. Experiências profissionais anteriores incluem atuação como engenheira de software na Abebooks, subsidiária da Amazon, e como analista de sistemas na Unitech, Brasil. Lile é doutora de Ciência da Computação pela Universidade da Suíça Italiana, com foco em colaboração no desenvolvimento global de software, e
mestra em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Campina Grande.

 

 

 FÓRUM MENINAS DIGITAIS - "Fomentando ações para inclusão de Meninas Digitais no Brasil"


Este painel objetiva compartilhar experiências para atração de meninas para as áreas tecnológicas de projetos que tenham algum "tipo de financiamento", seja em pesquisa, extensão ou outro. Cada painelista fará uma exposição oral em torno de 20 minutos para mostrar ações e resultados parciais de seus projetos, bem como dar alguns detalhes da maneira como os "articulou" na IES e no órgão de fomento. Socializando tais experiências, espera-se incentivar o público presente não só a desenvolver trabalhos nesta área, mas também buscar recursos por meio de financiamento para fomentar tais iniciativas.

moderador  Moderador: Cristiano Maciel (Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT, Secretário Regional SBC – Mato Grosso)
Coordenador Nacional do Programa Meninas Digitais 

 

Painelistas

adriana 

 

 

Adriana Zanella Martinhago (UFV - campus Rio Paranaíba)

Projeto: “MENINAS ++

 

O objetivo geral do projeto é desenvolver uma abordagem para apoiar a realização de iniciativas em escolas do ensino médio, visando atrair meninas para a área de computação. As atividades do projeto estão sendo desenvolvidas na escola estadual do município de Rio Paranaíba/MG visando a complementar o estudo sobre o desinteresse de mulheres na área de computação. As atividades compõem a abordagem e abrangem palestras com dinâmicas, minicursos e visitas técnicas à universidade. É um projeto contemplado na Chamada Pública MCTI/CNPq/SPM-PR/Petrobras nº 18/2013 - Meninas e Jovens Fazendo Ciências Exatas, Engenharias e Computação. Temos o apoio da Universidade Federal de Viçosa através do programa institucional de bolsas de extensão universitária PIBEX/UFV.

 

 Currículo Lattes

     

 

aleteia

 

 

 

Aletéia Patrícia Favacho de Araújo (UnB – Brasília) 

Projeto: “Computação também é coisa de Menina!

 

Este projeto objetiva desmistificar a área de computação para as meninas do ensino médio, mostrando que a referida área tem um campo de atuação vasto e que muitas mulheres têm se destacado na área de tecnologia, pois o sucesso de um profissional na área de computação não é dependente do sexo, mas sim do seu perfil para resolver problemas. O projeto tem realizado atividades de ensino, pesquisa e extensão em algumas escolas públicas do ensino médio da cidade de Brasília, e em alguns institutos técnicos do entorno. Além disso, a equipe de professoras e alunas envolvidas no projeto tem divulgado a área de computação em diversos eventos locais e nacionais. Este projeto está sendo financiado por meio do edital MCTI/CNPq/SPM-PR/Petrobras nº 18/2013.

 

Currículo Lattes  

 

 

 

 

 

luciana

 

 

 

Luciana Frigo (UFSC - Campus Araranguá) 

Projeto "Meninas Digitais - Regional Sul - UFSC"

 

Este projeto tem como foco motivar meninas do ensino médio a seguirem carreira nas áreas que envolvam o desenvolvimento de tecnologias computacionais através da desmistificação do papel da mulher na referida área. São desenvolvidas oficinas relacionadas à robótica, desenvolvimento de jogos digitais e de aplicações para dispositivos móveis. Outras atividades tais como palestras com profissionais da área de computação e visita a empresas também fazem parte do escopo deste projeto. Para a execução das atividades temos obtido recursos financeiros e bolsas de editais públicos como CNPq/Vale S.A. Nº 05/2012 - FORMA-ENGENHARIA (2013) e MCTI/CNPq/SPM-PR/Petrobras nº 18/2013 (2014). O projeto foi contemplado no Edital Probolsa 2014 da Universidade Federal de Santa Catarina (2014) com bolsas de estudo para as alunas de graduação. Temos recebido também o apoio de empresas privadas.

 

Currículo Lattes 

 

     

 

mariangela

 

 

Mariangela de Oliveira Gomes Setti (UTFPR - Curitiba)

Projeto "Emíli@s - Armação em Bits"

 

Este projeto tem como objetivo divulgar a Computação, como área de formação, para alunas da Escola Estadual Xavier da Silva na cidade de Curitiba, mostrando algumas de suas facetas. Oficinas de interação humano-computador, banco de dados, bibliotecas digitais e Arduíno estão entre as atividades realizadas. Além disto, palestras com profissionais femininas da área de Computação são feitas para as alunas do ensino médio da escola parceira do projeto. Este projeto foi contemplado na Chamada Pública MCTI/CNPq/SPM-PR/Petrobras nº 18/2013.

 

Currículo Lattes

 

 

Organização

   Promoção   Agência Oficial 

 

 

as CIC B1 cor

 

 Coordenação Geral  

  ifb             logosbctransparente            

 

Patrocínio
 
  cgi     capes     ctic     cnpq     Ministerio de Esportes
             
    ministerio     secretaria     google

 

Apoio
             
logocomnet p       consecti        logo cjr       obs
  sec                 w3c Giga Candanga